À Sombra Do Altíssimo

Diante do Trono

Senhor, Tu és minha esperança
És o meu refúgio, minha segurança
Quando ao meu redor há inimigos sem fim
Posso estender
as mãos e segurar em Ti

Nas Tuas promessas
Na Tua Palavra
No Teu amor por mim
Que nunca me deixa só

À sombra de Tuas asas eu posso descansar
E sob as Tuas penas mal algum me alcançará
Tu és minha morada, ó Altíssimo
Livra-me, Senhor
Pois a Ti me apeguei com amor

Tua verdade é meu escudo e baluarte
Eu não temerei pois Teus Anjos me sustentarão
Pisarei o leão e a áspide
Tu me mostrarás a Tua Salvação